DOE PALAVRAS

Um movimento para levar mensagens de força aos pacientes com câncer do Instituto Mário Penna.

http://www.doepalavras.com.br/

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

O BARULHO DA CARROÇA


CERTA MANHÃ MEU PAI, MUITO SÁBIO, CONVIDOU-ME A DAR UM PASSEIO NO BOSQUE E EU ACEITEI COM PRAZER. ELE SE DETEVE NUMA CLAREIRA E DEPOIS DE UM PEQUENO SILÊNCIO ME PERGUNTOU:

_ ALÉM DO CANTAR DOS PÁSSAROS,VOCÊ ESTÁ OUVINDO MAIS ALGUMA COISA?

APUREI OS OUVIDOS ALGUNS SEGUNDOS E RESPONDI:

_ ESTOU OUVINDO UM BARULHO DE CARROÇA.

_ ISSO MESMO, DISSE MEU PAI, É UMA CARROÇA VAZIA.

PERGUNTEI AO MEU PAI:

- COMO PODE SABER QUE A CARROÇA ESTA VAZIA, SE AINDA NÃO VIMOS?

- ORA, RESPONDEU MEU PAI.

É MUITO FÁCIL SABER QUE UMA CARROÇA ESTÁ VAZIA POR CAUSA DO BARULHO QUE FAZ...

TORNEI-ME ADULTO, E ATÉ HOJE, QUANDO VEJO UMA PESSOA FALANDO DEMAIS, GRITANDO (NO SENTIDO DE INTIMIDAR), TRATANDO O PRÓXIMO COM GROSSURA, INOPORTUNA, PREPOTENTE, INTERROMPENDO A CONVERSA DE TODO MUNDO, E QUERENDO DEMONSTRAR QUE É DONO DA RAZÃO E DA VERDADE ABSOLUTA, TENHO A IMPRESSÃO DE OUVIR A VOZ DO MEU PAI DIZENDO:

- "QUANTO MAIS VAZIA A CARROÇA, MAIS BARULHO ELA FAZ..."


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário