DOE PALAVRAS

Um movimento para levar mensagens de força aos pacientes com câncer do Instituto Mário Penna.

http://www.doepalavras.com.br/

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Meus livros são abertos – você precisa enchê-los com sua vida, voz e história


MOMENTO MÁGICO

Sucesso na frança, Hervé Tullet lança série com seis livros em inglês para crianças desenvolverem sua criatividade e independência.

Criada pelo contador de histórias e ilustrador Hervé Tullet, conhecido na França, seu país de origem, como “o príncipe dos livros da pré-escola”, a coleção Let’s Play Games tem como objetivo incentivar as crianças a explorar sua imaginação e independência através de brincadeiras, pinturas e toques disponíveis nos livros The Game of LightThe Game of Mix and MatchThe Game of Finger WormsThe Game of Let’s GoThe Game of Patterns e The Game of Mix-Up Art. Animado com  o sucesso que suas obras estão fazendo ao redor do mundo, o autor afirma que a imaginação é uma das coisas mais incríveis que o ser humano possui.

Fale sobre a coleção Let’s Play Games! A ideia desta série é explorar todas as formas possíveis de brincar com uma criança, um adulto e um livro. O que é um livro para a criança? É um momento em que você pode compartilhar brincando, rindo, conversando, contando. Tento fazer livros interessantes e surpreendentes para os leitores e acho que as pessoas devem encontrar sua própria maneira de ler e brincar com eles. Espero que eles se tornem pequenos rituais para leitura em conjunto, um momento de partilha.

As ações de toque sugeridas numa página têm consequências nas próximas. Como surgiu a ideia para essa atividade? Vou a muitas escolas para ver como as crianças brincam com livros. Nessas visitas, interajo com os pequenos para descobrir como posso melhorar nos próximos lançamentos. Amo essas descobertas, adoro improvisar e não saber o que vai acontecer a seguir. A ideia para a série surgiu desses momentos.

Qual a sua maior satisfação ao criar livros? Tenho trabalhado em workshops e lendo meus livros em diversas partes do mundo para crianças pequenas, adultos e idosos, de lugares muito pobres a áreas ricas. Esses encontros são incríveis, maravilhosos mesmo. Talvez por isso, a maior satisfação que posso ter é que a minha criatividade possa ser entendida por uma gama tão grande de pessoas.


Quais são os ingredientes para prender a atenção e estimular a imaginação por meio de um livro? Os pequenos leitores devem se sentir felizes, ter vontade de ler o livro, brincar com ele. Tudo isso é possível quando você compartilha seu mundo com eles. Por isso, digo que meus livros são abertos – você precisa enchê-los com sua vida diária, com sua voz, sua história. Essa é a minha proposta.

Em tempos de tabletse-books e afins, você acha que o bom e velho livro tem espaço entre as crianças? É claro! Se o livro ainda tem surpresas e a sensação de descoberta, as crianças vão se interessar por ele. A criatividade é sempre uma coisa nova, e, muitas vezes, o iPad parece algo antigo, especialmente quando você precisa virar uma página. Virar uma folha em um iPad? Isso é uma loucura, já que não existem páginas verdadeiras neste aparelho.

Fonte: Clariana Zanutto - Revista da Cultura

Nenhum comentário:

Postar um comentário